segunda-feira, 7 de julho de 2008

cotijubex (05,06.julho.2008)

um dia depois estou na mux little cave III. entao eis que me encontro em mais um despertar...

me entrego a realidade, esta eventual banalidade, nao com medo ou desesperança.

mas com desejo afirmado, uma ambiçao declarada, de tornar cada gota de devaneio mais e mais paupavel. cada naco de ether onirico trazido para a babilonia eh uma vitoria sobre as dores do mundo jah sentidas. cada "nao", ouvido ou vivido algum dia, negados ao coraçao, desaparecem num estalo. de repente, se conquista o poder de trazer a materia dos sonhos para o mundo, ou de levar pedaços do mundo para os sonhos...

na verdade nunca se sabe, mas diante de tal epifania, pouco se importa conhecer a diferença.

deitar na areia, olhar as estrelas, palavras simples sao ditas ultrapassando os labios para atingirem a mais honrada plateia. algumas destas palavras nem sentem a necessidade do som... mas sao entendidas mesmo assim. o mais terno dos sonhos, a mais devanesca das noites, tudo se mistura em mente, corpo e alma.

e nao ha registros. embora tudo estaja guardado no mais seguro lugar do mundo. o proprio coraçao. e no suspirar das unicas testemunhas daquele sublime capitulo compartilhado da vida de duas pessoas: os proprios seres que a viveram.

sonhar nao significa fugir. sonhar significa saber qual sua ambiçao. saber o que realmente vai te tornar feliz nesta vida. saber o que estah errado no mundo, e ter um motivo para a guerra que virah. pois sonhar nao eh para os fracos... principalmente para os que vivem seus sonhos.

e eis que chego ao ponto, onde tudo culmina, em vontade, paixao, e saudade:

acaso teria vivido o dia mais perfeito, ou dormido o sonho mais perfeito?

o bom de toda a historia, eh que posso ter conquistado os dois...

olhos se fecham, corpos se tocam, coraçoes falam...

-MWXS